Contatos:
 

(11) 3042-6494

(11) 99016-7502
(Seg a Sáb 9hs as 19hs)

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

atendimento@graceffitours.com.br

  • Facebook
  • Instagram

© 2019 por GRACEFFI TOURS.

Moeda Local - Shekel 

A moeda corrente do Estado de Israel é o Novo Shekel (NIS), ou apenas Shekel para simplificar ( no plural shkalim em hebraico e shekels em Inglês). Existem 100 agorot (“agora” no singular) em cada shekel. As cédulas bancárias são denominadas de NIS 20, 50,100 e 200; moedas são denominadas de NIS10, NIS5, NIS1 e 50, 10 e 5 agorot.

Normalmente em nossas viagens, levamos Dólares Americanos (USD), porém estas podem ser trocadas pela moeda local nos hotéis que estaremos hospedados, no aeroporto, bancos, correios ou agências de câmbio licensiadas nas grandes cidades. Um passaporte é solicitado quando se trocam cheques de viagem. As taxas variam de lugar para lugar, e os bancos cobram uma comissão.

 

Alguns lugares turísticos, especialmente na Cidade Velha de Jerusalém, só aceitam pagamento em dólares. Por este motivo é importante ter Dólares em mãos e uma parte de Shekel para despesas menores como alimentação por exemplo.

Cartões de Crédito

Pessoas que possuam cartões de crédito internacionais podem utilizá-los normalmente em alguns locais ou retirar moedas correntes locais e/ou estrangeiras nos bancos que aceitem estes cartões. Existem caixas automáticos (ATM) na parte de fora da maioria dos bancos. Lembre-se apenas que para utilização de cartão de crédito no exterior, além da taxa de conversão, é cobrado o IOF de 6,38% em sua fatura. É necessário ter um uso consciente do cartão no exterior para não cair em dívida.

Pagamentos

A maioria dos produtos e serviços podem ser comprados em diferentes moedas que podem ser trocadas livremente como Euro, Dólar Americano entre outras moedas estrangeiras, contudo as lojas e fornecedores de serviços, não são obrigados a aceitar moeda corrente estrangeira e lhes é permitido dar o troco em Shekels mesmo tendo sido feito o pagamento em moeda estrangeira.

Turistas que paguem por produtos e serviços em moeda estrangeira estão isentos, em alguns casos, do VAT (Valor do Imposto Agregado). Além disso, alguns estabelecimentos em Israel são registrados no programa do Ministério do Turismo para reembolso do VAT a turistas. Estes comerciantes são solicitados a informar seus clientes deste acordo, e fornecer a eles uma nota fiscal que deve ser apresentada no seu ponto de partida de Israel juntamente com a compra em uma sacola lacrada. O VAT, descontada a comissão, será devovido na hora.Aqueles que estiverem saindo de Haifa, Ashdod ou Eilat terão seu VAT devolvido no endereço constante da nota fiscal. Se o montante a ser reembolsado exceder a $1.000, o mesmo será enviado depois que a nota fiscal for verificada pelas autoridades de impostos.

O valor mínimo de compras qualificado para o reembolso do VAT é de $100, incluindo VAT. Em Eilat, onde o VAT não é recolhido, o mínimo de compras para reembolso do VAT é de $200, incuindo o VAT. A venda de jóias cujo valor em shekels seja igual a $ 200, incuindo o VAT não será isenta.

A maioria dos cartões de crédito – American Express, Diners, Visa, Mastercard/Access/Eurocard – São amplamente aceito nos restaurantes, nas lojas, nos hotéis, museus etc.Isralenses.

Gorjetas

Em Israel, assim como em diversos países do exterior, costuma-se dar gorjetas. Quando o serviço não está incluído na conta, uma gorjeta de 12% deve ser acrescida ao pagamento. Em hotéis, algumas pessoas dão gorjeta ao carregador de bagagem ou a qualquer outro tipo de serviço.Motoristas de Táxi em geral, não recebem gorjeta.

Negociações são aceitas em Israel, mas não em todos os lugares. Nos mercados ao ar-livre, não hesite em barganhar, mesmo porquê faz parte da experiência e agindo dessa forma irá conseguir um desconto no preço. É solicitado aos lojistas que mostrem os preços e em sua maioria, não estão abertos a negociações. Isto também acontece nos restaurantes e transportes públicos. Os passageiros são avisados a pedir aos motoristas de táxi que liguem o taxímetro, dessa forma evita-se regateios desnecessários.